Saiba tudo sobre estratégias digitais utilizando influenciadores digitais

Saiba tudo sobre estratégias digitais utilizando influenciadores digitais

Atualmente, não há como uma empresa, de qualquer porte, almejar crescimento e lucratividade sem pensar em estratégias digitais e uso de redes sociais a favor de sua marca.

 

Fato é que, a grande maioria das empresas, desde aquelas localizadas no seu bairro, até as multinacionais, estão presentes em pelo menos uma rede social.

 

Aquelas que não estão, certamente estão perdendo tempo e dinheiro.

 

A utilização das redes sociais e das ferramentas que estas proporcionam, faz com que as marcas consigam estar mais próximas de seus clientes.

 

Para aumentar essa proximidade, diversas marcas têm optado por traçar estratégias digitais utilizando influenciadores digitais.

 

Criando assim, um novo caminho até o público-alvo, entendendo o que os consumidores procuram, ouvindo reclamações, atendendo sugestões etc.

 

Estas ferramentas juntamente com estratégias digitais, auxiliam no crescimento e consolidação de empresas dos mais diversos ramos.

 

Com a expansão da internet e a popularização das redes sociais, muitas profissões surgiram. Outras tantas sofreram influência do novo modo de consumo e de interação criado a partir dessas mídias.

 

Quando falamos sobre novas profissões e a influência que a internet exerce, não há como não falar sobre os influenciadores digitais.

 

Mas afinal, como os influenciadores digitais, a internet e as estratégias digitais podem mudar o alcance e a lucratividade de uma empresa?

 

É o que veremos a seguir.

 

O que são influenciadores digitais?

Se você está presente nas redes sociais, provavelmente já ouviu o termo “digital influencers”, os influenciadores digitais.

 

Essa deve ser uma das profissões mais desejadas e concorridas da atualidade. Afinal, muitos jovens sonham em “viver da internet” e esse é um dos caminhos mais rentáveis.

 

Os influenciadores digitais, são formadores de opinião, capazes de influenciar milhares de pessoas que os acompanham.

 

Através das diversas redes sociais, os influencers conseguem influenciar milhares, até milhões de pessoas a conhecerem ou consumirem determinada marca, serviço ou produto.

 

Os influenciadores com mais tempo de internet, cerca de 10 anos, começaram produzindo conteúdo despretensiosamente, como hobby.

 

Estes conteúdos eram produzidos por meio de vídeos no Youtube ou resenhas e textos em blogs, em sua maioria.

 

Com o passar do tempo, o número de interessados nas opiniões das atuais celebridades da internet cresceu bastante. Assim, elevando seu número de seguidores e consequentemente, sua autoridade nas redes.

 

No decorrer dos anos, novas redes surgiram e os influenciadores digitais começaram a marcar presença em todas elas. O que aumentou ainda mais seu alcance e público.

 

Não há um tipo específico de influenciador. Alguns falam sobre estilo de vida, moda, cabelo e maquiagem. Já outros, opinam sobre viagens, culinária, vida fitness, humor, questões de gênero e muito mais.

 

Existe público (e muito) para todos os nichos e a cada dia estes influencers ganham mais e mais seguidores.

 

O que eleva o alcance dessas pessoas, é o poder de influenciar. O que acontece com opiniões, atitudes ou através das propagandas produzidas em seus perfis, as famosas publis.

 

As publis são conteúdos pagos ou produzidos em parceria com empresas que desejam ter seus produtos ou serviços divulgados pelos influencers.

 

As empresas investem em marketing de influência

 

As empresas ficam de olho no tipo de marketing promovido pelos influenciadores digitais e optam pelos que mais tenham a ver com seu público-alvo ou que estejam em alta de acordo com a época.

 

Em seguida, entram em contato, na maioria das vezes, com suas assessorias e buscam fechar um contrato para algumas publicações sobre a marca/produto.

 

Geralmente, estes posts, sejam no feed ou nos stories (vídeos curtos com 24 horas de duração), recebem um briefing.

 

O briefing é um tipo de roteiro, onde há mais informações sobre a marca. No briefing, também há indicações de como a propaganda deve ser produzida.

 

São estes passos, que incluem a escolha do influenciador digital e a maneira como o publi deve ser feito que formam as estratégias digitais.

 

O influencer, na maioria das vezes, coloca suas ideias e personalidade nos conteúdos feito em parceria com as marcas. A união das informações com a criatividade do produtor de conteúdo, pode trazer ótimos resultados.

 

Com esse tipo de propaganda, as empresas conseguem aumentar suas vendas, número de seguidores e engajamento do público.

 

Para atrair os consumidores através dos influenciadores digitais, geralmente, as marcas disponibilizam descontos para compra. Estes descontos vêm através de links personalizados para uso dos seguidores do formador de opinião.

 

Este também é um meio de mensurar o engajamento gerado pelas ações com o influenciador.

 

Sendo assim, é correto dizer que, as redes sociais também funcionam como um intervalo comercial de televisão, por exemplo.

 

Os influenciadores digitais postam conteúdos sobre os quais estão acostumados a falar e no meio dessas publicações surgem algumas propagandas.

 

Participantes de reality shows é uma modalidade  de influencer muito requisitada

 

Além dos influenciadores ‘tradicionais’, nos últimos anos surgiu uma nova modalidade de influencer.  Os participantes de reality shows ou quem viraliza através de memes ou notícias nas mídias sociais.

 

Isso porque, através disso estas pessoas ganham milhares de seguidores. O que desperta o interesse das empresas que buscam divulgação nas redes.

 

Os reality shows são uma febre no Brasil. Estes programas geram debates, trazem entretenimento e os participantes acabam ganhando milhões de seguidores em apenas alguns dias.

 

Ao sair desses programas, a grande maioria dos participantes se transformam em influencers. Afinal, também se tornaram formadores de opinião e tem um público muito fiel.

 

Com isso, fecham contratos milionários para se tornarem a “cara da marca”.

 

Obviamente, não basta ser famoso na internet e postar alguns vídeos para ter boas estratégias digitais junto às empresas.

 

É preciso que haja um trabalho em conjunto com diversas áreas internas das companhias. Somente assim, para alcançar o sucesso em parceria com os influenciadores digitais.

 

Afinal, é como dizem: curtidas não pagam as contas.

 

O que são estratégias digitais?

 

As estratégias digitais são fundamentais para que as campanhas ou os métodos de crescimento escolhidos para marca ou produto alcancem os resultados esperados.

 

São essas estratégias que vão determinar como a companhia vai agir em lançamentos ou até mesmo em crises.

 

Estas auxiliam na organização do plano de ação através do qual o grande público vai visualizar o produto ou a marca.

 

As estratégias digitais, também têm como função aumentar o engajamento em relação a empresa ou produto e elevar seu alcance.

 

Por isso, é preciso aliar estratégias ao contar com os serviços dos influenciadores digitais para que os resultados esperados sejam atingidos.

 

Empresas que aspiram se firmar através do marketing de influência, redes sociais e influenciadores, precisam ter estratégias digitais bem definidas.

 

É preciso entender também que, não basta ter auxílio de influenciadores digitais para chegar lá.

 

Antes de buscar fazer divulgações em parceria com influencers, é necessário todo um trabalho interno da companhia.

 

As estratégias digitais precisam estar alinhadas com a presença da empresa nas redes sociais. Esta por sua vez, precisa estar alinhada com o marketing, que precisa estar alinhado com o influenciador.

 

É o famoso, uma coisa leva a outra.

 

Não há como obter sucesso, sem passar por todos os estágios. Pode até acontecer um golpe de sorte e sua empresa se destacar de forma extraordinária, apenas com algum desses pontos sendo trabalhados.

 

Mas via de regra, é preciso ter todos os núcleos alinhados na mesma direção.

 

Quando falamos sobre as estratégias digitais, também estamos falando em gerar lucratividade e crescimento.

 

Como dissemos anteriormente, curtidas não pagam as contas. Somente através de um bom plano de ação, que todos os pontos citados acima, vão gerar conversão.

 

Seja em vendas, engajamento, ou qualquer outro objetivo final da estratégia.

 

As estratégias digitais, fazem com que uma empresa tenha uma marca registrada quando se trata de sua presença online.

 

Seja na linguagem escolhida para interação nas redes, o design utilizado no logo da companhia ou como dialogar com os consumidores.

 

Por isso, é preciso unir todas as áreas e escolher influenciadores digitais que também conversem com as estratégias digitais traçadas.

 

Estratégias digitais e o marketing de influência

O marketing de influência é uma parte das estratégias digitais escolhidas por uma companhia para integrar o trabalho interno com a internet.

 

No marketing de influência, é preciso contar com os influenciadores para desenvolver parte das estratégias de marketing.

 

Afinal, os influencers formam opinião e engajam grandes públicos em favor de uma causa, produto ou serviço.

 

O marketing de influência cria uma ponte entre a marca que contrata, os influencers e o público que esta deseja alcançar.

 

Muitas vezes, o trabalho desenvolvido e as estratégias digitais estão no caminho certo, mas não estão gerando os resultados esperados.

 

O que falta é alguém que ligue a empresa ao público que esta deseja atingir.

 

Os influenciadores fazem este trabalho por meio do marketing de influência.

 

Os influenciadores digitais não têm papel somente de divulgar a marca e trazer um novo público para a empresa.

 

Na maioria das vezes, é isso que as companhias buscam quando escolhem trabalhar usando o marketing de influência.

 

Em alguns casos, essa estratégia pode ter como finalidade engajar o público já existente, que não anda muito animado com a empresa.

 

Às vezes, os seguidores do influencer já acompanham a determinada marca, só que não viam muitos atrativos na mesma.

 

Com o uso do marketing de influência a empresa pode despertar o interesse desse determinado público em seus produtos.

 

Ou seja, engajar e reter o consumidor através de estratégias digitais.

 

Como criar uma campanha de marketing utilizando influenciadores digitais?

 

O fato é que, investir em marketing de influência se tornou normal e, principalmente, rentável nos dias de hoje.

 

Mas, por que será que essa fórmula tem dado tantos resultados?

 

As propagandas de alguns anos atrás, eram feitas apenas na TV, em jornais ou revistas. Estas mesmas propagandas eram replicadas em outdoors e panfletos.

 

Mas, quem eram as pessoas que faziam essas publicidades e divulgavam os produtos?

 

Em sua grande maioria, celebridades, atores e atrizes famosos ou que estavam em destaque na cena da época.

 

Esse tipo de publicidade engajava o público?

 

Pode até ser que sim. No entanto, não era incomum que as pessoas questionassem a veracidade da opinião do artista na propaganda.

 

Perguntas do tipo: “Será que fulano realmente usa esse produto ou consome essa marca?”. Permeavam as discussões quando essas publicidades eram veiculadas.

 

Com o surgimento dos influenciadores digitais, o engajamento em relação as campanhas cresceram.  Isso porque, a confiança a respeito da opinião dada sobre os produtos era menos questionada.

 

Isso se deve ao fato de que a maioria dos influencers começaram despretensiosamente na internet. Ou seja, pessoas comuns que compartilhavam suas opiniões e, principalmente, seu dia a dia.

 

Somente com o passar dos anos e com o boom das redes sociais, é que essas pessoas se tornaram celebridades.

 

Porém, a fidelidade e a confiança do público, já estava conquistada.

 

Afinal, eram pessoas comuns falando para outras pessoas comuns, sobre produtos e serviços que gostavam e consumiam.

 

Quando um influenciador que você acompanha diz que experimentou algo e gostou e indica, as chances de você ficar curioso e no mínimo, entrar nas redes sociais da empresa, são muito maiores.

 

Vamos citar o exemplo das marcas de produtos para cabelos cacheados e crespos.

 

Nos últimos anos, milhares de meninas, meninos, mulheres e homens, decidiram assumir seus cabelos naturais.

 

No entanto, propagandas com modelos de cabelos perfeitos e cheios de truques para deixar os cabelos cacheados, não convenciam este público.

 

Afinal, a busca era por naturalidade.

 

A partir disso, as pessoas que estavam passando pelo processo de transição capilar (processo de parar de modificar a estrutura dos fios através de produtos químicos e voltar ao natural), começaram a buscar inspirações nas redes sociais.

 

Através das diversas mídias sociais, a busca era por opiniões reais de pessoas com cabelos parecidos com os fios dos consumidores.

 

As marcas que fabricavam esses produtos, perceberam esse movimento e começaram a investir em influenciadores digitais para divulgar seus produtos.

 

As principais estratégias digitais estavam ali, buscar pessoas que se conectavam com o público-alvo e colocá-las usando os produtos.

 

Dando dicas, falando sobre os prós e contras do mesmo, opinando sinceramente.

 

Os seguidores que já conheciam estes influenciadores através das redes, já tinham uma relação de confiança com os mesmos.

 

Diante disso, a venda dos produtos e a procura pelas redes sociais das marcas divulgadas por estes influencers, cresceu consideravelmente.

 

Basta uma pequena busca no Google para entender o tamanho desse movimento no Brasil.

 

Prova disso, é que somente em 2017, a busca pelos termos “cabelo cacheado cresceu 232%, veja os dados aqui.

 

Sendo assim, as estratégias digitais, alinhadas com o marketing de influência não deixavam espaço para dúvidas, se tornando a chave do sucesso.

 

É muito mais fácil, acreditar na opinião de pessoas com certo grau de proximidade, do que em celebridades que parecem inatingíveis.

 

Por isso, a busca por pessoas normais e que realmente usam e gostam dos produtos tem feito sucesso.

 

Tanto é que, vídeos de resenha estão entre os mais vistos no Youtube. Veja a lista completa dos vídeos mais populares nesta rede.

 

O consumidor quer saber a opinião de seu influenciador digital favorito antes de investir seu dinheiro nos produtos.

 

O combo de marketing de influência, onde o influencer posta seu dia a dia e estratégia digital, inserindo o produto na rotina, conquista mais o público.

 

Obviamente, a escolha dos influenciadores digitais para representar ou divulgar determinada marca, também é feita de forma estratégica.

 

Afinal, é preciso que este influencer tenha um público engajado. Mas também, transmita credibilidade, não esteja envolvido em escândalos ou assuntos que prejudiquem a imagem da empresa.

 

Outro modo de chegar até o consumidor através do marketing de influência, é fazendo uso da criatividade e dos assuntos do momento.

 

Além de parcerias com influenciadores digitais, as companhias têm apostado cada vez mais nos memes para engajar o público.

 

Vídeos engraçados ou posts criativos, além de divertirem, despertam interesse dos consumidores.

 

Os influencers que se destacam no humor, costumam mesclar bem as publis com brincadeiras e alcançar ótimos resultados.

 

Quem são os melhores influenciadores digitais no Brasil?

 

Atualmente, o Brasil tem uma gama enorme de influenciadores digitais.

 

Atingindo os mais diversos públicos, dentro e fora do país, com milhões de seguidores, opções para as marcas é o que não faltam.

 

Jogadores de futebol, atrizes, ex-participantes de reality show, cantores, humoristas, empresários, os influencers são diversos e têm um público muito fiel.

 

Entre os jogadores de futebol, os destaques são:

 

  • Neymar Júnior, com 169 milhões de seguidores;
  • Ronaldinho Gaúcho, com mais de 63 milhões de seguidores;
  • Marcelo Vieira com quase 60 milhões de seguidores;

 

Números apenas do Instagram.

Entre as atrizes:

 

  • Tatá Werneck que também é humorista, conta com mais de 51 milhões de seguidores;
  • Maisa que é atriz e apresentadora tem mais de 40 milhões de seguidores;
  • Bruna Marquezine tem 42 milhões de seguidores no Instagram;
  • Larissa Manoela conta com quase 44 milhões de seguidores na mesma rede social;

 

Falando sobre ex-participantes de reality show, o destaque fica para

 

  • Juliette, a campeã do BBB21, tem mais de 33 milhões de seguidores;
  • Gilberto Nogueira (Gil do Vigor), participante da mesma edição do programa, tem mais de 15 milhões de seguidores no Instagram;

Esses são dois exemplos de pessoas anônimas que entraram no reality e conquistaram o público.

 

Entre os cantores:

  • Anitta conta com mais de 59 milhões de seguidores;
  • Gusttavo Lima, tem 42,5 milhões de pessoas que o acompanham na rede;

 

No ramo do humor:

  • Whindersson Nunes com mais de 57 milhões de seguidores;
  • Carlinhos Maia, que ganhou destaque por ter um dos stories mais visualizados de 2020 (2 bilhões de visualizações). Além de mostrar a vida de seus vizinhos e familiares, conta com 22 milhões de seguidores no Instagram;

 

Como podemos perceber, em relação a número de seguidores, estes brasileiros estão entre os maiores.

 

Todos eles têm parcerias com empresas e divulgam produtos dos mais diversos nichos. Obviamente, existem outros tantos influenciadores digitais com milhões de seguidores.

 

Mas é importante ressaltar que, somente o número de pessoas que acompanham a celebridade nas mídias sociais, não define seu engajamento.

 

É preciso analisar muitos fatores para entender quais influencers vendem ou não.

 

Muitos influenciadores com menos de 1 milhão de seguidores têm um público mais fiel e engajado do que outros com milhões na conta. Tudo depende do produto, da região onde o influencer é mais popular, das estratégias digitais adotadas e etc.

 

Por isso, o marketing de influência depende de estratégia e diversos fatores envolvidos para gerar os resultados esperados.

 

Porém, não há como negar que os números de seguidores pode ser a porta de entrada para o sucesso do influencer.

 

Como criar campanhas de mídia patrocinada com influenciadores digitais?

 

Não restam dúvidas de que nos últimos anos, o uso do marketing de influência em campanhas de mídia paga tem trazido resultados expressivos.

 

Muitas vezes, muito mais significativos do que os de campanhas tradicionais com atores ou celebridades da televisão.

 

Isso se deve, entre outras coisas, ao fato dos influenciadores digitais, terem o poder de conectar empresas/produtos aos consumidores de forma orgânica.

 

No entanto, como estamos explicando ao longo deste artigo, estratégias digitais são fundamentais para que estas campanhas tenham os resultados esperados.

 

A equipe de marketing, design e publicidade da companhia precisa estar em sintonia e se atentar aos seguintes pontos:

 

  • Ter objetivos claros: escolher o influencer que converse com sua marca ou o produto, é importante. Porém, é preciso que o público-alvo esteja definido e tenha afinidade com o influenciador.

 

Em seguida, o orçamento também deve ser definido de forma objetiva e por fim, é preciso ter meios de medir os resultados.

 

  • Escolha bem o influenciador: existem milhares de influenciadores digitais no Brasil, com os mais diversos números de seguidores, nichos etc.

 

Escolha o que mais se enquadre na imagem que deseja transmitir, além disso, a plataforma onde a campanha será veiculada é muito importante.

 

Os públicos do Instagram, Twitter e TikTok, por exemplo, são completamente diferentes.

 

De nada adianta, escolher o melhor influencer para divulgar seu produto na plataforma errada.

 

A reputação e os valores do influencer também devem casar com os da marca e do produto. E como dissemos acima, número de seguidores é importante, mas não é tudo.

 

Não tome suas decisões baseado apenas nesse quesito.

 

  • Taxas de engajamento: o número de seguidores não deve ser a chave de suas estratégias digitais. Influencers considerados menores podem trazer mais resultados que aqueles com milhões de seguidores.

 

Isso porque, muitos fatores influenciam nos resultados da campanha. Tenha meios de medir os resultados e o engajamento, pré-estabelecidos.

 

Não adianta contratar um influencer que não mora no Brasil para divulgar ao que não consome ou mal conhece, por exemplo.

 

  • Não escolha apenas grandes influenciadores: ter os chamados micro influenciadores digitais, pode ajudar e muito na obtenção dos resultados esperados.

 

Além de, muitas vezes, ter um público fiel e disposto a conhecer novos produtos, os micros influencers podem ser uma maneira de gerenciar riscos e conter gastos.

 

Os micros influenciadores, são aqueles que tem o poder de influencer uma pequena parcela da comunidade. Mas que também geram relevância.

 

  • Gerencie o orçamento: os formadores de opinião cobram valores bastante diversos por seus serviços.

 

Essa cobrança varia de acordo com o hype do momento.

 

Se o influencer estiver em alta, seu cachê com certeza será mais alto. Ainda, aqueles influenciadores já consolidados e com agenda cheia, podem cobrar valores mais altos por seu trabalho.

 

É importante ponderar se o investimento trará o retorno esperado. Tente negociar valores para não sair do orçamento estipulado e respeitar o trabalho do influenciador.

 

  • Não limite a criatividade: muitos influencers reclamam que as marcas querem ‘podar’ sua criatividade, por isso, acabam por recusar trabalhos.

 

É importante ter um briefing a ser seguido e passar a mensagem inicial de forma clara.

 

No entanto, engessar o influenciador digital e adotar estratégias digitais que não combinem com ele, não vai transmitir verdade para o público.

 

Afinal, os seguidores estão acostumados com a personalidade do dia a dia do influencer e conhecem sua essência.

 

O formador de opinião, melhor do que ninguém conhece seus seguidores, portanto, sabe o que funciona ou não.

 

Pense que, se suas estratégias funcionassem com o público que acompanha o influenciador, talvez você não precisasse dele.

 

Sendo assim, esteja aberto as ideias e não poupe criatividade.

 

  • Invista em posts genuínos: não tem nada mais desagradável do que acompanhar influenciadores que estão a todo tempo querendo vender algo.

 

O marketing de influência, deve ser usado em sua essência, formando opiniões e unido estratégias digitais de maneira genuína.

 

Por isso, é importante que o influencer faça os posts mantendo sua essência.

 

A campanha deve sim ressaltar o produto, falar sobre seus benefícios, mas também ser espontânea.

 

Ainda, é importante ressaltar que campanhas realizadas através de mídia paga, devem conter o aviso de publicidade ou parceria paga.

 

Dessa forma, os seguidores saberão quando se trata de um post pago. A campanha deve seguir as normas estabelecidas pelos órgãos competentes.

 

Como criar campanhas de inbound marketing com influenciadores digitais?

 

O Inbound marketing, é basicamente um conjunto de estratégias digitais pensadas para atrair consumidores através da produção de conteúdo relevante para este público.

 

Este conteúdo deve ser atrativo para o público ao qual se destina, despertar interesse e responder a perguntas sobre o tema.

 

Esse tipo de marketing, é considerado menos agressivo. Afinal, a empresa não está ‘empurrando’ nenhum produto para o consumidor.

 

Os clientes em potencial vêm até o seu site, blog ou rede social, por vontade própria, por curiosidade.

 

Quando é o potencial cliente que busca por sua marca ou serviço, as chances de fidelização, são maiores, assim como, as chances de conversão.

 

As estratégias digitais utilizadas no Inbound marketing, são um tipo de porta de entrada para levar os consumidores até a sua empresa.

 

Desta forma, é possível transformar curiosos em clientes e em divulgadores de sua marca, de maneira orgânica.

 

Os influenciadores digitais também podem participar desse tipo de campanha.

 

Como o Inbound marketing também atrai através da curiosidade, há diversas formas de o marketing de influência ser útil nesses casos.

 

Após seguir as dicas que demos acima, de escolha do influencer certo para sua marca, pense na seguinte campanha:

 

O influenciador, pergunta para os seus seguidores o que eles buscam quando compram filtro solar, por exemplo.

 

Coloca uma daquelas caixinhas de perguntas no Instagram e deixa que eles respondam, depois seleciona algumas das respostas e as compartilha.

 

Em seguida, o assunto é introduzido. O influenciador pode dizer que está utilizando um produto que corresponde ao que seus seguidores responderam e que em breve vai compartilhá-lo.

 

Só esta tática, já desperta curiosidade. Afinal, os seguidores disseram o que procuram, o influenciador vai apenas apresentar a resposta para o que eles buscam.

 

Outra forma também, é quando o influencer diz que já teve um determinado problema solucionado por uma empresa.

 

Os seguidores com o mesmo problema vão querer conhecer quem trouxe essa solução.

 

Estas estratégias digitais, aumentam o fluxo de visitantes em sites e blogs, desperta interesse e gera engajamento em torno do produto.

 

Muitos influenciadores digitais trabalham com a curiosidade do público. Quando bem trabalhada, essas táticas podem ter efeitos muito bons na divulgação da marca.

 

Como utilizar o RD Station em uma campanha com influenciadores?

 

O RD Station é utilizado para automatizar o funil de vendas do Inbound marketing.

 

Como exemplificamos anteriormente, quando se trabalha com formadores de opinião, além de estratégias também é preciso ter meios de mensurar resultados.

 

É exatamente isso que o RD Station faz. Este software gera resultados e relatórios completos a respeito de número de visitantes no site, de onde eles vieram, etc.

 

Muito provavelmente suas campanhas com influenciadores digitais trarão resultados, desde sejam seguidos todos os passos necessários.

 

Para ter certeza de quais são estes resultados é preciso medi-los com o RD Station.

 

Antes de contratar um mega influencer, teste os micro influenciadores. Além de testar o funil de vendas e a aceitação do público, este tipo de influencer pode ajudar diretamente nas vendas.

 

Não podemos esquecer de qual é o intuito da campanha. Isso porque, cada empresa pode ter um objetivo ao contratar influenciadores digitais.

 

Gerar leads, vender o estoque parado de determinado produto, aumentar ou começar sua presença nas redes sociais?

 

Defina seu objetivo e ficará mais fácil escolher que tipo de influencer você precisa.

 

Conheça alguns tipos de influencers e veja quais os melhores perfis para sua empresa:

 

• Top celeb: são as celebridades que têm maior alcance, conhecidas por quase todo mundo.

 

No entanto, estas celebridades não terão ligação direta com sua marca, dificilmente vão gerar mais vendas.

 

• Fit celeb: também é uma celebridade bastante popular e ainda se encaixa perfeitamente com seu produto.

 

Porém, o investimento para que estas façam sua campanha, geralmente é bem alto. O que pode valer o investimento, pois, traz retornos.

 

• Autoridade: como o nome já diz, tem autoridade no tema, sabe do que está falando e tem bastante ligação com o público ao qual o produto se destina.

 

Sendo assim, o retorno tende a ser alto.

 

• Ecossistema: um ecossistema é formado por várias partes, não é?

 

Pois bem, nesse tipo de propaganda, diversos influenciadores digitais são contratados para a campanha.
O que pode trazer mais repercussão e atingi diversos públicos ao mesmo tempo.

 

• Trendsetter: é um influencer que lidera e tem muita conexão com o público.

 

São mais indicados para ajudar a estabelecer a marca nas redes sociais.

 

• Jornalista: os jornalistas podem trazer mais seriedade para a campanha e prender a atenção do público. Visto que, o que eles falam, escrevem ou gravam tem alto alcance e relevância.

 

• Público interno: quem disse que os colaboradores da empresa não podem ser influenciadores digitais?

 

Quem melhor do que aqueles que conhecem e muitas vezes, desenvolveram o produto para divulgá-lo, falar sobre ele e tirar as dúvidas dos consumidores?

 

Uma ótima ideia, é engajar seus funcionários para que eles tomem coragem e postem nas redes sociais da empresa e em suas próprias.

 

Afinal, influenciadores ajudam as estratégias de marketing digital?

 

A internet e a popularização das redes sociais e smartphones, mudou e muito o comportamento dos consumidores.

 

Atualmente, os clientes estão cada vez mais exigentes e a concorrência aumentou ainda mais a confiança do consumidor.

 

Afinal, se eles não encontrarem o que buscam na sua empresa, certamente, encontrarão em outra.

 

A soma de todos estes fatores fez com que as redes sociais passassem a exercer um papel fundamental nas decisões de compra.

 

Porém, os usuários das redes sociais, não querem ver propagandas iguais às da TV quando estão navegando nas redes.

 

Muitos as consideram ultrapassadas e engessadas.

 

Sendo assim, a melhor maneira de conversar com este público, que é diverso, exigente e atualizado, é através dos influenciadores digitais.

 

Não há como negar a influência que as redes sociais têm no modo de vida atual.

 

Seja para desabafar, postar fotos variadas, de viagens, manter contato com amigos ou apenas para se manter atualizado, as mídias sociais são fundamentais.

 

As redes sociais geram proximidade, trazem a sensação de que todo mundo tem algum tipo de ligação ou algo em comum.

 

É com base nisso que as estratégias digitais devem ser traçadas e os influenciadores digitais ‘aproveitados’ pelas empresas.

 

O marketing de influência não tem esse nome à toa, a opinião dos produtores de conteúdo certos, podem mudar o faturamento de uma companhia.

 

Desta forma, não há como negar a importância dos influenciadores digitais nas campanhas de publicidade atuais.

 

Se ainda não está convencido, veja só: pesquisas apontam que, 74% dos consumidores usam as redes sociais como auxílio na hora de decidir sobre a compra de algum produto.

 

92% dos consumidores confiam mais em indicações de pessoas do que de empresas, na hora de escolher um produto ou serviço. Ainda, 80% do tráfego online tem algum influenciador digital como ponte.

 

Você ainda acredita que investir em marketing de influência não vale a pena?

 

Se a resposta for sim, tenha certeza que você está perdendo dinheiro!

 

Até aqui, falamos principalmente sobre posts em redes sociais, principalmente, o Instagram, que tem sido o principal canal dos influenciadores digitais.

 

No entanto, é possível obter benefícios com outros tipos de ações de marketing com influencers.

 

Vídeos-resenha sobre produtos ou serviços fazem sucesso, isso porque muitos consumidores buscam opiniões antes de comprar.

 

De acordo com o nicho e autoridade dos influenciadores digitais, palestras também podem ser boas estratégias.

 

Ainda, a participação em eventos e festas ou inauguração de lojas, hotéis, parques e outros ambientes, podem gerar um engajamento enorme.

 

As estratégias digitais, ligadas aos influenciadores, podem gerar diversos resultados.

 

Além de trazer reconhecimento para a empresa, seguidores nas redes sociais ou aumentar as vendas etc. E pode aproximar sua empresa das pessoas interessadas pelo seu nicho de atuação.

 

Sendo assim, é possível ultrapassar questões comerciais e permear as propostas institucionais da empresa.

 

O marketing de influência auxilia no fortalecimento da imagem da empresa, a conecta com iniciativas relevantes, agrega valor.

 

Além disso, na prática, associar uma empresa a um influenciador digital melhora ações como o ranqueamento nos sites de busca.

 

Afinal, sua marca vai receber mais atenção e gerar curiosidade.

 

Desta forma, sendo incentivado pelas ações de SEO dos canais do influencer, que já tem um bom posicionamento nos sites de busca.

 

Os influenciadores digitais abrem caminho até para as empresas mais tradicionais apostarem em diferentes formatos, não só de campanhas como de divulgação.

 

Por fim, de acordo com o modelo de divulgação e da campanha contratada, sua empresa pode até economizar.

 

Isso porque, os custos da produção de fotos, cenários e vídeos e também a distribuição desse material nas redes, ficam por conta do influencer.

 

Desta forma, podemos afirmar que a parceria entre empresas e influenciadores digitais, só tende a crescer nos próximos anos.

 

A influência das redes sociais, somada com a fidelidade do público, traz muitos benefícios às campanhas de marketing. Basta saber usá-las.

Conclusão

 

Devido as opções e diversas estratégias específicas para pada tipo de empresa com influencers, é essencial que o gestor tenha o acompanhamento de profissionais com expertise no assunto.

 

O mercado é cada vez mais competitivo e o alto desempenho determinante para o resultado das empresas.

 

A Agência Nova possui experiência no mercado Digital e mais de 700 clientes atendidos.

 

Auxiliamos empresas planejar, produzir e otimizar campanhas de Marketing Digital com o objetivo de ganho de escala e performance.

 

Seja qual for seu desafio atual, de estratégias com influencers a SEO Marketing, compra de mídia, tráfego ADS, Gestão de redes sociais, RD Station e produção de conteúdo.

 

Fale com um de nossos consultores.

 

Vamos entender suas necessidades e, juntos, encontrar a melhor solução para sua empresa

 

 

Deixe um comentário

Your email address will not be published.